DATA DE INÍCIO: 05 DE SETEMBRO DE 2020.

1. JUSTIFICATIVAS

Mesmo os mais autorizados cursos e manuais de História da Igreja e do Pensamento Cristão disponíveis entre nós padecem de um inaceitável etnocentrismo, esquecendo-se de levar em consideração que o cristianismo é uma fé de origens múltiplas, desprezando-se considerável parte da trajetória histórica do mesmo. Geralmente se privilegia uma ótica eclesiástica monocromática, hegemônica que não dá lugar ao conhecimento de outras experiências e entendimentos cristãos.

No âmbito do relacionamento entre as antigas igrejas apostólicas do oriente (onde se desenvolveu considerável parte da história do dogma cristão) ou entre os diversos movimentos dissidentes nas igrejas ocidentais, é que se percebe maior carência de conhecimento e entendimento. A falta de compreensão ou conhecimento do outro nos leva ao isolamento, que por sua vez gera estagnação, preconceito e paralisação de crescimento.

Outrora, se percebe também um abandono ou desprezo à história do cristianismo por parte de muitos cristãos, entre líderes e obreiros. A falta de conhecimento de sua história, gera carência na formação da identidade cristã, deixando o indivíduo à mercê de qualquer mudança doutrinária e ética. Esse é um dos grandes problemas do cristianismo na contemporaneidade, pois, ao romper seu laço com o passado, acabou ficando à deriva dos movimentos relativistas e antropocentristas.

Assim, o curso se propõe a fornecer base histórica acerca da formação do cristianismo, seu crescimento, seus auges, declínios e movimentos de reforma, bem como a evolução de sua teologia, eclesiologia e missiologia ao longo dos séculos e nas diversas partes do mundo por onde se espalhou.

Em geral, os cursos de pós-graduação nesta temática dividem História da Igreja e História do Pensamento Cristão. Nós pensamos que são aspectos indissociáveis, porém, podendo ser inclusos em termos de lato sensu para a pós-graduação. E este será o diferencial, pois permitirá uma formação mais completa ao aluno, ao mesmo tempo em que esta permitirá um cabedal de conhecimento muito maior que os cursos de outras instituições, o preparando para o mestrado e doutorado, caso seja a vontade do aluno.

Outro diferencial será a introdução de disciplinas específicas para a história do Cristianismo no Brasil, explorando esse fenômeno para proporcionar a ligação da história geral com nossa história nacional.

2. PÚBLICO ALVO

O curso dirige-se a teólogos, historiadores, professores e estudantes de História ou de Teologia, estudiosos na área de sociologia da religião, antropologia da religião, psicologia da religião e demais alunos de cursos superiores na área de ciências humanas e ciências da religião; também se dirige a pastores, presbíteros, diáconos, professores de E.B.D., demais obreiros(as), religiosos(as) que desejem aprofundar o conhecimento em história do cristianismo e do pensamento cristão, e no estudo acadêmico das experiências cristãs mundiais.

3. OBJETIVOS

3.1. Gerais:

  • Proporcionar ao aluno uma visão mais abrangente da história e pensamento do cristianismo e sua expansão no mundo.
  • Trazer ao conhecimento do aluno os principais debates teológicos que estruturam a fé cristã conforme formulada e vivida nas antigas igrejas do oriente.
  • Propor uma reavaliação dos paradigmas ocidentais de pensamento cristão ao entrar em contato com experiências e formas diversas de cristianismo.
  • Associar o eixo de conhecimento de formação do cristianismo mundial com as experiências cristãs no Brasil.

3.2. Específicos:

  • Ampliar a gama de conhecimentos dos estudantes de história da Igreja acerca das diversas formas de ser cristão, encontradas nos diversos cristianismos ocidentais e orientais.
  • Proporcionar aos estudantes de ciências humanas a observação de formas plurais de religiosidades nas comunidades cristãs tardo-antigas até as contemporâneas.
  • Verificar a relevância dos cristianismos orientais para nossa forma de conceber e viver o cristianismo no ocidente, bem como o que tais cristianismos têm a acrescentar em nosso ser e agir religioso.
  • Ser canal de divulgação dessas existências religiosas, pouco conhecidas no ocidente, entre as quais algumas correm genuíno risco de extinção, dadas as problemáticas religiosas, políticas e sociais que contemporaneamente assolam essas comunidades em seus locais de origem.

4. PERÍODO E PERIODICIDADE

O curso acontecerá de maneira 100% On-line. A cada semana, o aluno terá uma carga-horária de 6h/a em vídeos, textos e exercícios para estudar no tempo que for mais adequado para o mesmo.

Duração: 1 ano e seis meses, sendo três meses destinados para a elaboração do Artigo Científico.

Investimento: 18 parcelas de R$ 240,00.

Dia e horário: 100% EaD, horário flexível.

DESCONTOS DISPONÍVEIS (*) (**)

Pós-graduação
5% de desconto até a data do vencimento.
5% para pagamentos no cartão de crédito (Semestre todo).
10% para ex-alunos (é preciso ter concluído esse curso anterior).
10% sobre as parcelas do semestre para quem quitar antecipadamente.
15% para Educadores, Militares e Pastores reconhecidos pela Ordem dos Pastores.
25% no curso de menor valor para parentes de primeiro grau que ingressarem ao mesmo tempo.

* Todo desconto é oferecido apenas a partir da segunda parcela.
** É facultado ao aluno apenas um tipo de desconto, não são cumulativos.
Obs.: Os descontos são desconsiderados em casos de atraso.

Não há desconto sobre desconto.

5. MATRÍCULA

Documentação:

• Histórico escolar da graduação
• Diploma de Graduação
• Certidão de casamento ou nascimento
• CPF
• Cédula de Identidade
• Título de Eleitor
• Certificado de Reservista (quando for o caso) – maiores de 45 anos não têm obrigatoriedade da entrega.
• Comprovante de residência.
• Uma foto 3×4 (recente).

Obs.: A documentação deve ser escaneada e enviada para o e-mail atendimento@semináriodosul.com.br.

6. METODOLOGIA

A prática pedagógica do curso privilegia o ensino aplicado e a articulação entre teoria e prática, buscando associar a aprendizagem à reflexão e à análise de problemas concretos. A metodologia do curso mesclará aulas expositivas, textos e exercícios aplicados, trazidos pelos professores por meio de suas experiências profissionais ou acadêmicas.

A cada semana o aluno receberá pela plataforma os conteúdos em vídeo, texto (apostila), artigo científico e indicação bibliográfica para estudar. Além disso, terá um questionário múltipla-escolha para responder relacionado ao conteúdo dado.

Haverá também um fórum aberto semanalmente, na plataforma, caso o aluno queira conversar com um professor e tirar suas dúvidas acerca da matéria correspondente.

Ao final do curso, o aluno irá entregar seu trabalho de conclusão final, sendo devidamente orientado através de professor correspondente e disciplina sobre o assunto. Desta forma, propicia-se a reflexão, sistematização e produção de conhecimentos, com vistas a sua aplicação mais qualificada e responsável.

7. CARGA-HORÁRIA

O Curso terá a duração de 360 (trezentos e sessenta) horas/aulas, não computando o tempo de estudo individual destinado à elaboração de monografia ou trabalho para a conclusão da Pós-Graduação. Cada semana cursada equivale a 6h/a do Curso.

8. CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E APROVEITAMENTO

Questionários semanais e trabalho final.

  • Aproveitamento: para aprovação o aluno deverá obter a média mínima de 7,0 (sete), sendo que as notas deverão variar de 0 (zero) a 10 (dez).
  • Frequência: Mínimo de 75% das aulas dadas, observando o total das horas do curso e de cada disciplina, conforme legislação em vigor.
  • Trabalho Final: Os alunos que concluírem todos os créditos deverão apresentar um artigo versando sobre um dos temas vistos durante o curso, com um mínimo de 15 (quinze) e um máximo de 30 (trinta) páginas. Os trabalhos e/ou artigos deverão receber orientações de Professores vinculados à FABAT, devendo receber, para ser aprovado, conceito A (aprovado-muito bom), B (aprovado-bom) ou C (aprovado).
  • Certificado: Aos alunos que concluírem os créditos e apresentarem os trabalhos anteriormente descritos, serão conferidos Certificados de “Especialistas em História da Igreja e do Pensamento Cristão”. Àqueles que optarem por não fazer o trabalho final ou artigo, será fornecido Certificado de “Curso de Extensão”

9. ESTRUTURA CURRICULAR

9.1. Carga Horária Total:

360 (trezentos e sessenta) horas

9.2. Disciplinas:

História da Igreja e do Pensamento Cristão na Antiguidade – Eixo 1 (72h/a)
Ementa da disciplina:

A disciplina se propõem a estudar a História da Igreja e do Pensamento Cristão nos cinco primeiros séculos (I a V) de existência e expansão do Cristianismo. Das origens do movimento de Jesus até a queda do Império Romano no Ocidente abarca-se as principais discussões teológicas, filosóficas, bem como os confrontos com outras ideologias religiosas e políticas que o Cristianismo travou durante tal período. Juntamente com a formação da Igreja no século I, passando pela Patrística, a formação dos grandes dogmas e dos Concílios Ecumênicos,  estuda-se os fatores políticos, econômicos, culturais e sociais que determinaram as ações dos principais personagens cristãos, bem como do movimento cristão como um todo, no Ocidente e Oriente.

 

História da Igreja e do Pensamento Cristão na Medievalidade – Eixo 2 (72h/a) 
Ementa da disciplina:

A disciplina se propõem a estudar a História da Igreja e do Pensamento Cristão na Idade Média, época e movimento que o cristianismo protestante se preocupou mais em identificar seus problemas teológicos do que compreender seu desenvolvimento histórico, social e cultural. A partir das invasões bárbaras e a desintegração do Império romano, abordaremos o monasticismo ocidental, o surgimento do papado no Ocidente e a formação da Igreja Católica Apostólica Romana. Daí, seguiremos ao desenvovimento da Igreja no mundo da Alta e Baixa Idade Média, dos aspectos políticos, sociais e econômicos da era medieval, a reforma monástica, as cruzadas, as ordens mendicantes e atividade teológica da Escolástica. Por fim, estudaremos o Renascimento, declínio do papado e Humanismo, até os pré-reformadores.

 

História da Igreja e do Pensamento Cristão na Modernidade – Eixo 3 (72h/a)
Ementa da disciplina:

A disciplina se propõem a estudar a História da Igreja e do Pensamento Cristão na Modernidade, período de formação dos protestantismos, de suas divisões, bem como da constituição de novas formas de se crer e pensar a teologia e o cristianismo.  A partir do mundo em que surgiu a Reforma, falaremos dos aspectos litúrgicos, dogmáticos e doutrinários da Igreja de Lutero e a Reforma na Alemanha, de Zuínglio e a Reforma nos cantões suíços, dos anabatistas e a reforma radical, de Calvino e a Reforma em Genebra, bem como da formação da Igreja Inglesa. A disciplina destacará também os movimentos pós-Reforma que deram origem ao cisma arminiano e a revolução puritana na Inglaterra. Um destaque especial será dado à História dos Batistas.

 

História da Igreja e do Pensamento Cristão na Contemporaneidade – Eixo 4 (72h/a) 
Ementa da disciplina:

A disciplina se propõem a estudar a História da Igreja e do Pensamento Cristão na Contemporaneidade, do século XVIII ao XX.  Nela abordaremos o desenvolvimento do movimento evangélico, desde o distanciamento do Paradigma Racionalista, a reação espiritualista e a formação dos movimentos de avivamento espiritual a partir do Pietismo e Metodismo. Observaremos a teologia da universidade nos séculos XVIII e XIX e o desenvolvimento dos liberalismos teológicos, bem como sua reação nos E.U.A. com o  Fundamentalimo e Dispensacionalismo. Falaremos sobre os grandes avivamentos do período e a era de missões estrangeiras. A Igreja e a Teologia do século XX receberão destaque, a partir das Teologias Contemporâneas e suas diversificações.

 

História da Igreja e do Pensamento Cristão no Brasil – Eixo 5 (72h/a)
Ementa da disciplina:

A disciplina se propõem a estudar a História da Igreja e do Pensamento Cristão no Brasil, desde a colinização no século XVI até o século XX.  Começaremos a partir da evangelização católica no período colonial, bem como as experiências protestantes nas invasões francesas e holandesas. Abordaremos o cristianismo no Brasil Império, a chegada do protestantismo de missão e imigração e a formação do evangelicalismo e denominacionalismo brasileiro. No Brasil contemporâneo, falaremos sobre a Igreja no período Republicano, no Regime Militar até o fim do século XX, destacando o surgimento e afirmação do Neopentecostalismos e dos movimentos sectários mais diversos.

 

10. COORDENADOR

• Nome: LUCAS GESTA PALMARES MUNHOZ DE PAIVA
• Unidade Acadêmica: FABAT – Unidade Tijuca
• Titulação: Mestre

11. CORPO DOCENTE (Característica)

• Prof. Mestre Lucas Gesta – Coordenador (Doutorando em História Política – UERJ e Mestre em História Social – UNIRIO)
• Prof. Alexander Stahlhoefer (Doutorando em Teologia – Friedrich-Alexander-Universitat, Alemanha)
• Prof.ª Mestra Débora de Souza (Doutoranda em História Política – UERJ e Mestre em História Política – UERJ)
• Prof. Mestre Idauro Campos (Mestre em História Social – UNIVERSO)
• Prof.ª Mestra Jaquelini de Souza (Doutoranda em Teologia – EST-RS e Mestre em Ciências da Religião – Mackenzie-SP)
• Prof. Mestre Rodrigo Figueiredo (Mestre em Teologia – PUC-RJ)
• Prof. Doutor Valtair Miranda (Doutor em História Comparada – UFRJ e Doutor em Ciências das Religiões – UMESP)
• Prof. Mestre Vinícius Couto (Doutorando em Ciências da Religião – UMESP e Mestre em Teologia – FABAPAR)
• Prof. Mestre Vitor Hugo (Doutorando em História Política – UERJ e Mestre em História Social – PUC-RJ)